Veículo: OFÍCIO DA MÚSICA . Quinta-Feira, 3 de Abril de 2008 .
Título: OFÍCIO DA MÚSICA


A bela voz de Paula Santoro - "timbre único", nas palavras de Flávio Venturini - vai ressoar pelo espaço do Museu de Artes e Ofícios no dia 8 de abril, durante a 11ª edição do projeto Ofício da Música, mais uma iniciativa do Instituto Cultural Flávio Gutierrez.

Considerada uma das maiores intérpretes do Brasil, a cantora sobe aos palcos ao lado de Rafael Vernet (piano) e Kiko Freitas (bateria) para apresentar um repertório de primeira linha, como "Segue em paz", de Toninho Horta e Milton Nascimento, "Sem fantasia", de Chico Buarque, e "Na baixa do sapateiro", de Ari Barroso, entre outros sucessos.

Bela e fera

Natural de Belo Horizonte, desde cedo Paula Santoro demonstrou o gosto pelo canto. Aos 12 anos, subiu ao palco pela primeira vez, cantando e tocando suas próprias canções no Iriri Praia Clube, Espírito Santo, onde sempre passava férias com sua família. Apesar de ter cursado dois anos de Medicina e de ter se formado em Comunicação Social, a música sempre foi sua vocação.

Sua primeira experiência profissional foi como integrante do grupo vocal mineiro Nós & Voz, com o qual gravou seu primeiro registro fonográfico, o LP HUM (1991). Depois ingressou no universo do rock progressivo. Convidada pelo violinista e compositor Marcus Viana, a cantora se tornou integrante do grupo Sagrado Coração da Terra, com quem realizou a turnê de "Pantanal" e gravou o tema de abertura de "Ana Raio e Zé Trovão", novelas da extinta Rede Manchete.

Conhecida pelo grande público como a voz que dublou a atriz Maria Fernanda Cândido na minissérie "Aquarela do Brasil", da Rede Globo, Paula também participou, como atriz e cantora, das minisséries "A Casa das Sete Mulheres" e "Chiquinha Gonzaga" e dos musicais "Mulheres de Holanda" e "Manoel, o Audaz", em Belo Horizonte, e "Aldir Blanc, Um Cara Bacana", no Rio de Janeiro.

Sua estréia no exterior foi em 1998, quando cantou em um dos maiores eventos da Copa do Mundo, o "Brahma Brasil Festival", na França, ao lado de nomes como Gilberto Gil, Skank, Paralamas do Sucesso e Fernanda Abreu. Cinco anos depois, Paula partiu para sua primeira turnê solo pela Europa. Sua performance em Londres atraiu o interesse da mídia e Paula se apresentou no programa de música mais importante da TV britânica, "Later with Jools Holland".

Em 2005, a cantora lançou aquele que considera o seu primeiro álbum solo, em que encontrou sua identidade musical. Não é à toa que o CD foi intitulado Paula Santoro e teve, como maior influência, a sonoridade do Clube da Esquina e a liberdade do jazz. O CD contou com as participações especiais de Chico Buarque, Toninho Horta, Nelson Angelo, Jaques Morelenbaum e Banda Mantiqueira, entre outros grandes músicos da MPB.
Nos dois anos seguintes, Paula excursionou com sua banda por todo Brasil lançando o novo álbum, que se tornou um sucesso de crítica e público, e partiu para outras turnês européias. Foi indicada ao 5° Prêmio Rival Petrobrás de Música na categoria Melhor Cantora e foi também a única intérprete a ser convidada pelo compositor Guinga - convidado da 10ª edição do Ofício da Música - para gravar no seu último CD, "Casa de Villa". Todo esse talento de Paula Santoro poderá ser conferido pelo público gratuitamente.


SERVIÇO
Ofício da Música com Paula Santoro
Local: Museu de Artes e Ofícios - Praça da Estação
Data: 08 de abril
Horário: 19h30
Entrada franca (até 200 pessoas)




Assessoria de imprensa e comunicação
Conceito Comunicação Estratégica
Fernanda Aguilar

FOTO: Ana Valadares

 
 
 
 
10.12.2008
VALOR SOCIAL
 
 
4.12.2008
Embaixadora e operária da Cultura
 
 
6.11.2008
A todo vapor
 
 
16.10.2008
Angela Gutierrez vence o Prêmio Cláudia 2008
 
 
17.6.2008
SEMANA DE MUSEUS
 
 
17.6.2008
Entrada gratuita no Museu de Artes e Ofícios
 
 
29.4.2008
1º DE MAIO
 
 
3.4.2008
OFÍCIO DA MÚSICA
 
 
29.2.2008
Primeiro passo para um novo museu em Minas
 
 
28.2.2008
A convite da UNESCO
 
 
1 . 2 . 3 . 4 . 5 . 6 . 7

 
 
 
  Instituto Cultural Flávio Gutierrez R. Sapucaí, 127 Floresta 30150-050 Belo Horizonte MG info@icfg.org.br 55 [ 31 ] 3261 6179